Tamanho da fonte:

Acidente na ERS-129 vitima diretora de educandário guaporense

Adriana Del Ré, 45 anos, morreu carbonizada após colidir seu automóvel Agile em uma carreta

Rádio Aurora/Eduardo Godinho: Carro incendiou após a colisão na carreta
A rodovia ERS-129, em Guaporé, registrou mais um acidente de trânsito com vítima fatal em 2013. Uma colisão envolvendo três veículos, um GM Agile, cor vermelha, placas IRG-8305, de Guaporé, uma carreta Scania, de Encantado (cavalo mecânico placas IRQ-4363 e Semi-Reboque IHG-6691) e um Peugeot 207, cor preta, placas ITB-3245, de Marau, aconteceu nesta quinta-feira, dia 13, por volta das 16h20min, na altura do Km 119, trevo de acesso ao Distrito de Colombo, registrando a morte da condutora do Agile, Adriana Del Ré, 45 anos, diretora da Escola Municipal de Ensino Fundamental Dr. Jairo Brum, localizada no bairro Santo André.

O carro conduzido por Adriana, que trafegava no sentido Guaporé/Dois Lajeados, colidiu frontalmente, após tentar efetuar provavelmente uma ultrapassagem, em uma carreta Scania, conduzida por Reges Magedanz, que vinha no sentido contrário. Com o impacto o motorista da carreta perdeu o controle atingindo algumas árvores ao lado da rodovia, só vindo a parar em um barranco em frente ao antigo salão Colombense, a aproximadamente 200 metros do local da colisão.

O Agile, destruído por completo, ficou ao lado da rodovia e incendiou. Populares que passavam pelo local tentaram controlar o fogo que começava a consumir o veículo com os próprios extintores, mas não obtiveram êxito. Adriana Del Ré, que ficou presa as ferragens, após o carro capotar, não resistiu e morreu carbonizada no local.

O Peugeot, que trafegava no sentido Dois Lajeados/Guaporé, perdeu o controle após, segundo o motorista Davis Silva Freitas, o vidro dianteiro ficar completamente encharcado de óleo, tirando totalmente sua visibilidade. O motorista e uma passageira do automóvel não ficaram feridos e o carro ficou preso em um barranco ao lado da rodovia. O Corpo de Bombeiros de Guaporé foi acionado para controlar o incêndio no veículo.

Ao chegarem os soldados Berton, Andrade e Ederson, utilizaram água, pó e espuma química para controlar as chamas. A Brigada Miligar, através dos soldados Francisco, Márcia e Souza, colaborou na trafegabilidade do local. Não há passagem pela rodovia que está totalmente bloqueada. Os veículos que transitam pela ERS-129 devem utilizar um desvio em frente ao Núcleo da Universidade de Caxias do Sul que passa por dentro do Distrito de Colombo.

O Grupamento Rodoviário da Brigada Militar de Casca, responsável pelo trecho, está no local para realizar o levantamento.
por Eduardo Cover Godinho (Rádio Aurora AM), dia 13/06/2013 às 18:41

Comentários

    Não há comentários para esta notícia.

Comente esta notícia

Entre em contato por email: falerapido@saofrancisco.am.br